A Cruz Metodista

 

A Igreja Metodista defende o respeito à diversidade  de culturas, pensamentos e religiões.

 

 

Este símbolo que identifica a Igreja Metodista no mundo, foi criado em 1968 e está associado a experiência espiritual,de Jonh Wesley, fundador do movimento metodista, no século XVIII,na Inglaterra. Em 24 de maio de 1738, Wesley teve uma experiência durante uma reunião de estudo bíblico, da qual ele delcara que sentiu seu coração estranhamento aquecido. Por isso a chama representa esta experiência marcante em sua vida, que revoluciou o cristianismo na Inglaterra.

Wesley dedicou sua vida a promover a vida cristã, baseada na fé integral, que leva a transformação do indivíduo e da sociedade. Uma fé comprometida com o povo, com o trabalhador, com as pessoas em situação de pobreza, doença, alcoolismo, e a defender uma vida comprometida com o bem. É bom salientar que Wesley combateu até o final de sua vida o tráfico de escravos,inclusive enviando cartas a membro do parlamento inglês, no sentido que da abolição do tráfico de africanos. Para Wesley o cristianismo é uma religião social, ou seja comprometida com as injustiças sociais.

 

*Diná da Silva Branchini – pastoral Nacional de Combate ao Racismo – Igreja Metodista

Deixe um comentário

Voc deve estar logged in para deixar um comentrio.