Grupos religiosos do Brasil condenam ataques ao Islã

 

A organização “repudia qualquer manifestação que deprecie crenças e falte com o respeito ao sagrado das religiões”, diz um comunicado da CCIR, que é formada por diversas entidades, como Federação Israelita do Rio de Janeiro, Congregação Espírita Umbandista e outras vinculadas aos credos protestante, católico, muçulmano, do candomblé, budista e grupos ciganos e indígenas.

“A CCIR também destaca que não apoia atitudes violentas e que, pela convivência com os seguidores do Islã, afirma a seriedade e o respeito que os muçulmanos têm pela pregação do amor, da religiosidade e dos valores que ajudam a construção de um mundo melhor”, acrescenta a nota. O filme produzido nos Estados Unidos por grupos ainda não identificados, mas repudiado por Washington, está gerando uma série de manifestações pacíficas e violentas diante de sedes diplomáticas norte-americanas em várias partes do mundo.

A organização “repudia qualquer manifestação que deprecie crenças e falte com o respeito ao sagrado das religiões”, diz um comunicado da CCIR, que é formada por diversas entidades, como Federação Israelita do Rio de Janeiro, Congregação Espírita Umbandista e outras vinculadas aos credos protestante, católico, muçulmano, do candomblé, budista e grupos ciganos e indígenas.
“A CCIR também destaca que não apoia atitudes violentas e que, pela convivência com os seguidores do Islã, afirma a seriedade e o respeito que os muçulmanos têm pela pregação do amor, da religiosidade e dos valores que ajudam a construção de um mundo melhor”, acrescenta a nota. O filme produzido nos Estados Unidos por grupos ainda não identificados, mas repudiado por Washington, está gerando uma série de manifestações pacíficas e violentas diante de sedes diplomáticas norte-americanas em várias partes do mundo.

Leia mais AQUI.

Fonte: IPS

 

Deixe um comentário

Voc deve estar logged in para deixar um comentrio.