Mais um capítulo na luta contra a intolerância

 

Cerca de 80 mil pessoas marcharam, em 2009, pedindo o fim do preconceito religioso. O flagrante está no livro “Caminhando a gente se entende”, que a Comissão de Combate à Intolerância Religiosa lança, na segunda, no palácio Gustavo Capanema. A publicação reúne imagens do movimento que pede, há quatro anos, o que já devia ser regra: respeito.

Deixe um comentário

Voc deve estar logged in para deixar um comentrio.