Protesto contra Ahmadinejad reúne 300 pessoas no Rio

 

Cerca de 300 pessoas participam neste domingo (15) de um protesto na praia de Ipanema (zona sul do Rio) contra a presença do presidente do Irã Mahmoud Ahmadinejad, na cidade para a Rio+20. O movimento foi organizado pela comunidade judaica, que participa da comissão de combate à intolerância religiosa, e conta com o apoio de ativistas de outras religiões, do movimento gay e do movimento negro.
Segundo Michel Gherman, da comunidade judaica, o objetivo do protesto é questionar a legitimidade de Ahmadinejad para falar sobre sustentabilidade. ‘Queremos aproveitar a visita dele para apontar a contradição entre o discurso do ódio que ele prega e o discurso ecológico. Negar o holocausto e perseguir homossexuais não pode ser um discurso sustentável’, afirmou.

Leia mais AQUI.

Fonte: RAC

Deixe um comentário

Voc deve estar logged in para deixar um comentrio.